Na eleição da PGR, ameaça de veto no Senado acirra disputa pelo segundo lugar

Desde que pediu ao Supremo Tribunal Federal (STF) a abertura de inquéritos contra deputados e senadores acusados de corrupção na Petrobras, Janot se tornou o alvo preferido dos investigados. Nos corredores do Congresso, circulam informações de que parlamentares atuam para impedir a recondução do procurador-geral. Entre eles, o senador Fernando Collor (PTB-AL), um dos investigados. O Senado nunca barrou a indicação de um procurador-geral, nem mesmo a de Antônio Fernando de Souza, autor da denúncia do mensalão.

No governo, é dado como certo que Dilma indicará o primeiro colocado da lista, como vem ocorrendo desde o primeiro mandato do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. A campanha entre os procuradores foi aberta informalmente no início do ano.
Na eleição da PGR, ameaça de veto no Senado acirra disputa pelo segundo lugar - Jornal O Globo